Realizado anualmente pela Asebex (Associação Brasileira de Ex-Bolsistas no Japão)  para todos os candidatos e interessados em bolsas de estudo e estágio no Japão, o Koshukai 2018 prossegue até o próximo dia 02 de fevereiro no Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social). Trata-se de um seminário cujo principal objetivo é fornecer informações que contribuirão para um melhor aproveitamento das bolsas de estudo ou estágio no Japão.

Para participar não é necvessário nenhum conhecimento da língua japonesa. Foto: divulgação

São quatro semanas de atividades que incluem palestras sobre os tipos de bolsas existentes, etiqueta, geografia, história e cultura japonesa, experiências e dicas dos ex-bolsistas, entre outras; além de dinâmicas para estimular a amizade e união dos membros do grupo, para que possam ajudar uns aos outros durante o período de intercâmbio.

Para participar não é necessário ter conhecimento de língua japonesa, as palestras e atividades são ministradas em português. Além de difundir informações que contribuirão para um melhor aproveitamento da bolsa no Japão, o Koshukai promove também uma oportunidade única de integração entre os futuros bolsistas de várias modalidades (Kempi Ryugaku, Kempi Kenshuu, Mext, Jica, Shichoson, Fundação Japão, Nippon Zaidan, entre outras).

“A nossa missão é preparar e orientar os futuros bolsistas e interessados para que eles tenham a melhor experiência no Japão e para que possam representar bem o Brasil, além de prestarmos auxílio e integração aos ex-bolsistas”, explica Felipe Takashi Hokama, ex-bolsista pela Jica e atual presidente da Asebex. “Além das dicas e orientações sobre o dia a dia no Japão, eles terão esse networking com os atuais e ex-bolsistas, que será um importante apoio para o período da bolsa. Além disso, poderão participar das diversas atividades e oportunidades no Japão promovidas pelos bolsistas e membros da Asebex”.

A Asebex é uma entidade sem fins lucrativos composta em grande parte por ex-bolsistas. O Koshukai é sempre organizado por voluntários que participaram dos anos anteriores, os chamados “senpais” (veteranos), em prol dos novos participantes, os “kouhais” (calouros). Clovis Kita, que fez o Koshukai em 2016 e foi bolsista pela Jica no mesmo ano, é um dos organizadores da edição 2018. Para ele, a grande motivação para ajudar a realizar o evento é a gratidão.

“Em 2018 teremos a 50ª edição do Koshukai”, declara Clovis. “Só de pensar que há 50 anos, através do esforço e união de um grupo de ex-bolsistas, iniciava-se o curso para os que iriam posteriormente pudessem ir mais preparados, com um sentimento de grupo e um propósito de representar bem o nosso povo, nos dá um senso de muita responsabilidade e privilégio para retribuir tudo o que recebemos no Koshukai em que participamos como kouhais. ”

Compartilhar – “No Japão, pude viver na prática as lições aprendidas no meu Koshukai. Com certeza foram fundamentais para aproveitar mais a minha bolsa e poder ser um bom testemunho como nikkei brasileiro”, destaca Clovis, lembrando que esta edição vem sendo preparada desde agosto do ano passado. “A expectativa é poder compartilhar um pouco da nossa experiência no Japão a todos os que vão e aos que estão interessados”, conta, explicando que, segundo o dicionário japonês, “Koshukai” significa “curso de curta duração para aprender uma técnica, arte ou conhecimento” e que a palavra é escrita com três caracteres:  (aula),  (aprender) e  (reunião).

Koshukai 2018

Quando: De 08/01/2018 a 02/02/2018 (de segunda a sexta, das 19h15 às 22h)

Onde: Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social (Bunkyo): Rua São Joaquim, 381 – Liberdade – São Paulo – SP

Mais informações: www.asebex.org.br/bolsas/faq  ou no Facebook: facebook.com/koshukai

 

FONTE : JORNAL NIPPAK

 

 

Comments

comments

Compartilhar

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA