Caps Infantil Catavento recebe famílias e celebra o Natal

Serviço de saúde mental, especializado em crianças e adolescentes, atende atualmente cerca de 180 pacientes

O clima de Natal está presente no Caps-i (Centro de Atenção Psicossocial) Catavento, serviço especializado em crianças e adolescentes da Secretaria Municipal da Saúde. A festa organizada pelos servidores envolveu cerca de 180 pacientes, além dos familiares e apoiadores. A unidade funciona na rua Alcides Nunes, 1100, próximo ao Amelie Boudet.

Personagens infantis, contação de histórias e outras manifestações artísticas sensibilizaram os convidados. A festa terminou após um almoço especial, momento de confraternização e fortalecimento de vínculos.

A psicopedagoga Sátia Regina Alves de Almeida, responsável pela unidade, explica que o Caps Infantil realiza, prioritariamente, atendimento às crianças e adolescentes com sofrimento ou transtornos mentais graves e persistentes (psicoses e neuroses graves).

“Essa condição psíquica faz com que nossos atendidos apresentem prejuízos psicossociais severos, seja na socialização, inclusão escolar, familiar ou comunitária. Por isso a importância de vivenciarmos momentos como estes, na companhia dos pais, mães ou responsáveis, compartilhando uma experiência prazerosa”, explica Sátia.

Ela agradeceu o engajamento dos servidores, apoio das famílias e dos inúmeros parceiros que durante todo o ano apoiam o Caps Infantil.

“Um atendimento tão amplo e complexo, que trabalha a criança/adolescente em suas diversas dimensões (biológica, psicológica e social) exige parcerias. Buscamos, em consonância com a proposta terapêutica, o bem estar e o desenvolvimento das competências. Isso não se faz sozinho”, detalha a gestora do serviço especializado.

SERVIÇO

O Caps-i conta atualmente com uma psicopedagoga, duas enfermeiras, duas terapeutas ocupacionais, dois psicólogos, duas assistentes sociais, duas fonoaudiólogas, quatro técnicas de enfermagem, uma auxiliar de escrita, uma auxiliar de serviços gerais e dois médicos psiquiatras.

O atendimento pode ir de 0 a 17 anos e 11 meses para admissão no serviço, explica Sátia.O acesso ao Caps-i Catavento é feito através das unidades de Saúde do município ou mesmo por demanda espontânea. Basta procurar a unidade, de segunda a sexta-feira,às 7h ou às 13h (acolhimento). Os telefones são 3417-4712 e 3451-1660

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *