Covid-19: Diretoria do Sindimmar requer a inspeção aos ambientes de serviços públicos

A Diretoria do Sindimmar protocolou ao prefeito municipal de Marília, Daniel Alonso, requerimento onde reivindica a imediata inspeção aos ambientes que acolhem os servidores públicos durante suas respectivas jornadas de trabalho. De acordo com o presidente José Paulino, a verificação se faz obrigatória tendo em vista o elevado grau de riscos dos trabalhadores municipais neste período de pandemia. A solicitação é para avaliação técnica sobre eventual exposição a agentes biológicos (COVID 19) e pagamento da adicional de insalubridade equivalente. “A covid-19 tem rápida transmissão e sem os equipamentos de proteção individual, como máscaras e luvas, nossos servidores ficarão expostos a este vírus e todos sabemos que este vírus é letal e violento”, declarou o presidente.

A Diretoria vem defendendo a distribuição de máscaras e EPIs a todos os servidores municipais, principalmente agora com a disponibilização de parte dos funcionários municipais para o expediente a serviço da Secretaria Municipal de Saúde, conforme decreto municipal do Poder Executivo.
“Importante pontuar que, além dos profissionais da saúde, a inspeção deverá contemplar os profissionais da infraestrutura urbana, como coveiros, garis, auxiliares de serviços gerais e os demais que continuam laborando para manter a estrutura estatal em funcionamento”, ressaltou Paulino.

A Diretoria informa que, caso faltem equipamentos de proteção individuais, os EPIs, e as máscaras – uma vez que o Município está exigindo que todos utilizem a proteção ao circular em público – estará recebendo denúncias através de seus diretores. As denúncias podem ser anônimas, o sigilo será preservado e providências jurídicas serão tomadas. Através do telefone (14) 9.8835-6405 podem ser encaminhadas denúncias sobre assédios nos ambientes de trabalho, pressões desenfreadas por chefes desumanos, falta de EPIs (equipamentos de proteção individual), dúvidas e encaminhamento de sugestões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *