Damasceno propõe ampliação de itinerário em linha da zona Oeste para auxiliar idosos

Requerimento de autoria do presidente da Câmara Municipal de Marília, Delegado Damasceno (PSDB), propõe a ampliação do trajeto da linha Ceasa-Marília Shopping, na zona Oeste da cidade, justamente para proporcionar mobilidade aos passageiros mais idosos e deficientes físicos que necessitam do transporte urbano. “A linha Ceasa-Marilia Shopping, no sentido centro bairro, não atende plenamente os passageiros. Isso porque a partir da parada na rua Dr. Joaquim de Abreu Sampaio Vidal, em frente ao colégio Bezerra de Menezes, o ônibus não atravessa o viaduto da rodovia do Contorno. Quem mora para além do viaduto precisa descer neste ponto e concluir o trajeto até suas casas a pé”, explicou o presidente do Legislativo.

Esta situação afeta principalmente os moradores dos bairros Bela Vista, Vila D’Itália e Cavalieri II. “A população nos relata que, por falta da continuidade do trajeto nesta linha, fica sujeita às condições do tempo, como muito sol ou forte chuva, sem contar dos riscos à noite”, disse. Damasceno destacou no requerimento em que solicita a ampliação da linha, que o Município cumpra a sentença de ação civil pública que obriga a apresentação do Plano de Mobilidade Urbana. O presidente da Câmara, através do requerimento n.º 828/2018, reitera reivindicação apresentada no ano passado (através do requerimento n.º 579/2017), pleiteando justamente a viabilização do Plano de Mobilidade Urbana e a alteração no trajeto do itinerário da linha ‘Ceasa/Marília Shopping’, estendendo o percurso no sentido centro-bairro até o extinto Matadouro Municipal, na zona Oeste. “Outra preocupação que nos foi relatada é com relação aos estudantes do período noturno. Muitos adolescentes acabam tendo que percorrer ruas escuras e atravessar o viaduto da avenida Joaquim de Abreu Sampaio Vidal para retornar aos seus lares, pois o ponto mais próximo é na rua Coroados”. Damasceno citou que o local é pouco iluminado, ampliando a insegurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *