Em apenas dez dias da campanha, Marília já vacinou 80% dos idosos

De acordo com a responsável pelo Programa Municipal de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Renata Rodrigues Plácido, em apenas dez dias Marília já vacinou 24.179 idosos de um total de 29.992 contra Influenza que protege dos subtipos virais A (H1N1 e H3N2) e Influenza B.

“Este número de vacinas já aplicadas significa que 80% dos idosos foram vacinados nesta campanha. Nunca havíamos atingido este índice em tão pouco tempo da campanha”, afirmou Renata.
Renata Rodrigues Plácido informou também que mais de 53% dos profissionais de saúde também já foram imunizados e, como a campanha de vacinação para estes dois grupos vai até o próximo dia 15, ela acredita que Marília alcançará 100% de vacinação dessa primeira fase da vacina.

A responsável pelo Programa Municipal de Imunização disse ainda que muitas unidades de saúde já conseguiram vacinar 100% dos idosos cadastrados na unidade, casa a casa.
Renata também tranquilizou os que ainda não foram vacinados. “O Estado está liberando aos poucos a vacina, mas até o dia 15 teremos doses para vacinar todo o público alvo desta primeira etapa. Quem não foi vacinado ainda não precisa se preocupar, pois receberá a vacina normalmente.”

DRIVE THRU

“A pedido do prefeito Daniel Alonso, a equipe responsável pela vacinação está estudando a possibilidade de realizar na próxima semana novamente o sistema de vacinação Drive Thru, em que o idoso não precisa nem descer do carro para receber a vacina”, revelou Renata Rodrigues Plácido.

CRONOGRAMA E DIA D
As fases da Campanha de Vacinação contra a Gripe, por público alvo, serão as seguintes:
– 23 de março até 15 de Abril: idosos e profissionais de saúde;
– 16 de abril: professores, profissionais da força de segurança e salvamento, além dos doentes crônicos;
– 09 de maio (Dia D de vacinação): todas as unidades estarão abertas das 8h às 17h, sendo que serão vacinadas as crianças de seis meses a menores de seis anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), pessoas com mais de 55 anos, gestantes, mães no pós-parto (até 45 dias após o parto), população indígena e portadores de condições especiais.
A campanha seguirá em todo o país até o dia 23 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *