Em sessão de 6 horas câmara aprova todos os projetos

Em uma sessão de 6:35hm minutos de duração a câmara de Marília votou e aprovou todos os itens da pauta do dia 26/5.

Antes de se iniciarem as votações dos itens da pauta foi lido o Manifesto Municipalista que tratou da abertura do comércio em Marília, o documento foi ratificado por todos os vereadores da casa.

Após o término da sessão ordinária uma sessão extra foi convocada, todos os projetos foram aprovados por unanimidade, o primeiro item da ordem do dia, o Projeto de Lei nº 12/20 que trata dos cargos dos agentes comunitários de saúde, agente de controle de endemia e coordenador de saúde foi aprovado por votação unânime.

Já o Projeto de Lei nº 37/20 que trata da criação do CODEM (CONSELHO DE DESENVOLVIMENTO ESTRATÉGICO DE MARÍLIA) também foi aprovado por unanimidade, porém somente em primeira votação e devera voltar a pauta na semana que vem com emendas.

O último item da sessão ordinária foi o Projeto de Lei nº 34/20 que tratou do Plano Plurianual de Marília, também aprovado de forma unânime.

SESSÃO EXTRAORDINÁRIA

Após o término da sessão ordinária o presidente da casa Marcos Rezende (PSD) convocou uma sessão extraordinária aonde a pauta foi formada por dois itens.

O primeiro item a ser votado foi o Projeto de Lei 38/20 que autorizou o parcelamento de contas do DAEM (Departamento de Água e Esgoto de Marília) junto a CPFL(Companhia Paulista de Força e LUZ) no valor de mais de 7 milhões, apesar de aprovado por forma unânime o projeto teve emenda rejeitada.

E fim foi votado o Projeto de Lei nº 44/20 que tratou das normas para a reabertura do comércio em Marília, projeto aprovado por unanimidade, com três emendas (a primeira de autoria do vereador Marcos Custódio-PSC, e duas do vereador José Luiz Queiros – PSDB) e uma subemenda de autoria do vereador Cicero do Ceasa do PL.

POR : FERNANDO ANDRADE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *