Falta de tempo do Pastor tem impacto na sua vida, igreja e família.

Atarefados demais pelo trabalho, Pastores estão perdendo o controle sobre a igreja e família. O resultado disso é sentido por toda a comunidade. Quem sente esse reflexo é a igreja e família como um todo. Cultivar mais tempo para a igreja e a família, isso bom?

Pastores se esforçam para desenvolver todas as suas atividades nas 24 horas do dia. Dorme tarde, acorda cedo, o telefone toca o tempo todo, reuniões dentro e fora do ambiente Pastoral, relatórios e etc. Se engana quando pensa que na correria do dia-a-dia ele têm tempo para sua família. Hoje corre mais atrás do vento. Trabalha muito, abre não dá igreja e não se dedica a família.

Sua rotina prova isso: trabalha e não dar conta de toda a rotina, responsabilidade de Pastor.

Quando estiver livre de reuniões e outros compromissos, junte a igreja e a família para está junta. É hora de convesar um pouco, conferir as atividadesdos, ver como estão as coisa e participar de alguma coisa com a igreja e família. A dinâmica social tem feito Pastores deixar de ser Pastor. Numa época competitiva como a que vivemos, a luta por um lugar no meio Pastoral tem feito os Pastores perderem o lado afetivo da igreja e família.

Muitos revelam uma reportagem de vida fora do comum e demonstram falta de afetividade. Socialmente deixam a desejar um pouco de carinho, onde tem deixado de exercer seu papel na comunidade. O mapa de sua vida não é nada bom e divulga uma vida completamente distorcida ministerial. O novo padrão de vida leva-o a uma mortalidade espiritual, com aumento na mortes por homicídios, suicídios.

Eis a família Pastoral, doente e que parece caminhar para o abismo.
A igreja e família é a célula mais importante do Pastor, Se ela adoecer, todo o resto adoecerá. O Pastor de Cristo precisa agir. Voltar seu olhar para a igreja e a família e trabalhar dia e noite para que o projeto de Deus para a comunidade se fortaleça.

O tempo que investimos na igreja e família mostra a importância que damos a ela. Não basta ter qualidade, é preciso quantidade também que seja suficiente para suprir as necessidades de cada membro envolvido”.

O excesso de compromissos Pastoral e o pouco tempo para o convívio igreja e familiar é um desafio a ser vencido todos os dias a partir de atitudes simples, como uma conversa. “Há silêncios dolorosos e profundos em muitos Pastores. O motivo é acomodação, desinteresse e reflexo Pastoral.
Tenha uma visão ampla de um pastor que zela pela igreja e família.

Falar de igreja e família hoje é falar de mudança, de novas configurações, é falar de novas relações. O pastor precisa estar preparado para dar respostas para essa realidade e ajudar as igrejas e famílias a atravessarem a era moderna mantendo os valores estabelecidos por Deus.

É plano de Deus que a igreja e o lar seja um lugar onde o Espírito Santo tenha a primazia e que todos os membros trabalhem pela felicidade um do outro, harmoniosamente, agradando seu Criador e vivendo melhor. Essa realidade é descrita no salmo 128.

Os pastores precisam se atualizar sobre os temas, promover reuniões constante para tratar a igreja e família. Todos os dias vemos o inimigo se levantar contra a igreja e famílias e o que temos feito?

Hoje o seio igreja e familiar sofre com a influência dos novos modelos da sociedade brasileira. Tudo pode! E como imunizar a igreja e família? Restabelecendo o altar à Deus dentro da igreja e família. Com os joelhos dobrados, orientação na Palavra vamos ser uma família ( igreja e família) para honra e glória de Deus.

Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas procuremos encorajar-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês veem que se aproxima o Dia.
Hebreus, 10:25

Se por estarmos em Cristo nós temos alguma motivação, alguma exortação de amor, alguma comunhão no Espírito, alguma profunda afeição e compaixão, completem a minha alegria, tendo o mesmo modo de pensar, o mesmo amor, um só espírito e uma só atitude.
Filipenses, 2:1-2

Para mais informações
E-mail: ccpsp2018@gmail.com
WhatsApp: 14988056852
Celular: 14981003557

   

One thought on “Falta de tempo do Pastor tem impacto na sua vida, igreja e família.

  • 11/12/2018 em 13:39
    Permalink

    Quero dize para o irmão que estamos juntos nesta causa, muitos pastores estão precisando de nossa ajuda.

    Um abraço!
    Pra. Bernarda Oliveira
    Brasilia-DF

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *