Foragido é visto usando telefone público de konbini em Atsugi

Makoto Kobayashi, 43, já condenado pela justiça por crimes que cometeu, continua foragido desde quarta-feira (19), mas foi visto usando um telefone público, informou a polícia nesta sexta-feira, segundo divulgou a TBS News. 

Segundo o Tokyo Reporter, às 13h30 da quarta-feira (19), sete pessoas, incluindo dois policiais e cinco funcionários do Ministério Público do Distrito de Yokohama, foram até a casa de Kobayashi para levá-lo preso. No entanto, armado de uma faca, o condenado fugiu.

Kobayashi fugiu dirigindo um sedã Honda Fit preto e havia sido visto na rodovia Tomei em direção a Nagoya. O veículo, porém, foi encontrado mais tarde abandonado a cerca de 7 quilômetros de sua residência, já na cidade de Atsugi.

Mais tarde, Kobayashi foi visto em imagens de uma câmera de segurança de uma loja de conveniência em Tsumada-minami, em Atsugi, por volta das 18h30 de quarta-feira. Nas imagens ele aparece usando um telefone público por cerca de 20 minutos.

A polícia também revelou nesta sexta-feira (21) que, após uma busca na residência do fugitivo, conduzida pelo Ministério Público, foi encontrada uma seringa, indicando o uso de kakuseizai (drogas estimulantes).

Makoto foi condenado a três anos e oito meses de prisão por roubo, invasão de propriedade, agressão, além de uso de entorpecente. A sentença havia sido dada em setembro de 2018, porém, como a defesa recorreu, a condenação só foi confirmada em fevereiro deste ano. 

Nesse período, consta que ele havia estado em liberdade, após ter pagado fiança. Porém, o criminoso não atendia a nenhuma ordem da promotoria até então, e quando as autoridades se dirigiam até sua casa, ele não estava. 

Nesta quarta-feira, Makoto estava em sua casa em Aikawa, quando recebeu a visita de policiais e representantes da Promotoria. 
No dia seguinte, após sua fuga, o nome de Kobayashi foi colocado em uma lista de procurados em todo o Japão.

O fugitivo tem 1,17 metro de altura, e no momento em que fugiu estava usando boné e camiseta branca e short. 
Após a fuga, a polícia divulgou retratos de Kobayashi. 

FONTE : ALTERNATIVA ON LINE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *