Tóquio deve ter maior abertura da economia a partir de segunda-feira

A capital japonesa está acelerando sua reabertura da economia, que ocorre em fases. As autoridades locais decidiram relaxar ainda mais as restrições a partir de segunda-feira.

A decisão vem após o fim da declaração de estado de emergência por parte do governo central ainda esta semana.

Em uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira, a governadora de Tóquio, Koike Yuriko, declarou que “iremos prosseguir para o próximo estágio à meia-noite de 1º de junho.”

Isso permitirá a reabertura de negócios tais como lojas de varejo que vendem itens não essenciais, cursinhos, academias e teatros.

O número de novos casos confirmados diariamente na capital ficou abaixo de 15 nos últimos dias. No entanto, parte do país tem visto um ressurgimento de novos casos.

O prefeito de Kitakyushu, Kitahashi Kenji, declarou que “nossa cidade está no meio de uma segunda onda. Faremos todo o possível para conter o vírus, pedindo a todos que tiveram contato próximo com os infectados para passar por testes de PCR.” A cidade de Kitakyushu, no sudoeste do Japão, tem população próxima de 1 milhão de habitantes e teve 43 casos confirmados nos últimos seis dias.

A propagação do vírus está até mesmo ameaçando eventos anuais que marcam os bombardeios atômicos. Este ano, completam-se 75 anos desde o ataque a Hiroshima e Nagasaki. No entanto, as autoridades afirmam que as cerimônias irão ocorrer com 10% ou menos dos assentos ao ar livre geralmente oferecidos.

Até a manhã de sexta-feira, mais de 16.700 pessoas testaram positivo para o novo coronavírus no Japão, com cerca de 880 mortes no total.

FONTE : NHK PORTUGUÊS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *